Mensagem das autoras

Bem vindos ao blogue.
Esperamos que encontrem por cá ajuda para os vossos problemas ou para resolver as vossas curiosidades.
Caso não encontrem respostas às vossas dúvidas, não hesitem em escrevê-la num comentário, na Cbox ou num e-mail.
Apesar de termos alguns conhecimentos de saúde, não somos veterinárias e não sabemos diagnosticar os vossos coelhos, assim como não compactuamos com negligência. Casos de doença são para os veterinários.
Não pretendemos afirmar-nos como autoridades, mas sim facultar um local onde se possa aprender um pouco mais.

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Soren - Holandês de olhos azuis

Recebemos este e-mail que gostaríamos muito de partilhar com todos os leitores:

"Olá! Meu nome é Bianca Viana, tenho 31 anos, sou de Natal, Brasil e descobri o blogue enquanto pesquisava sobre coelhos! Há um mês estou com o Soren, que ganhei do meu pai, e sempre tive muita vontade de ter um coelho! Não me canso de pesquisar, principalmente sobre a alimentação dele, já que, antes do Soren, apareceu um coelhinho aqui em casa, que um gato de rua caçou de um vizinho, e veio "jantar" o coelho no meu quintal... por sorte do coelhinho, eu o salvei do gato, e decidi criá-lo... mas além de muito novinho, talvez nem tivesse idade suficiente para estar longe da mãe dele, ele estava muito machucado, assustado e infelizmente, só durou uma semana.... ele teve uma forte diarréia, e morreu antes de 24 horas. Me culpei muito, pois achei que não tivesse cuidado dele direito. Um mês depois, vendo a minha tristeza com a perda desse primeiro coelho, que eu o chamava de Floquinho, meu pai chegou em casa com o Soren... como chorei de emoção ao ver tamanha coisa fofinha, um coelho holandês, de olhos azuis, super meigo, alegre e brincalhão, nunca teve medo de ninguém aqui em casa, e faz festas com todos que se aproximarem da gaiolinha dele! Ele dá trabalho, pois qualquer animal, pra ser bem cuidado, precisa de dedicação, mas faço isso com muito prazer, e é recompensador ver a carinha de alegria do Soren, brincando nos pés de qualquer membro da família, quando está solto! Levo-o pra passear no quintal aqui de casa duas vezes por dia, durante 1 ou 2 horas, sempre sob minha supervisão, e ele não reclama na hora de guardá-lo de volta na gaiolinha! Segue em anexo algumas fotos dele, gostaria que publicassem no blogue, ficaríamos super contentes!!! Desde já agradeço!!"

Um comentário:

Escreva aqui as suas dúvidas, comentários, opiniões e temas que quer ver tratados. A sua opinião conta.

LinkWithin