Mensagem das autoras

Bem vindos ao blogue.
Esperamos que encontrem por cá ajuda para os vossos problemas ou para resolver as vossas curiosidades.
Caso não encontrem respostas às vossas dúvidas, não hesitem em escrevê-la num comentário, na Cbox ou num e-mail.
Apesar de termos alguns conhecimentos de saúde, não somos veterinárias e não sabemos diagnosticar os vossos coelhos, assim como não compactuamos com negligência. Casos de doença são para os veterinários.
Não pretendemos afirmar-nos como autoridades, mas sim facultar um local onde se possa aprender um pouco mais.

quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Escolher uma gaiola

Qualidade dos materiais

Aposte sempre em materiais de qualidade. Verifique a resistência e possível durabilidade das partes em plástico, assim como a sua grossura (muito finas facilmente se partirão). Quanto ao gradeamento verifique se é galvanizado (aspecto metalizado, mas com um tratamento específico para evitar a ferrugem) ou plastificado (neste caso verifique se não é apenas tinta normal que possa sair facilmente quando o coelho roer as grades, mas sim uma tinta plastificada resistente e sem falhas na pintura). Qualquer uma das opções anterior é boa desde que seja de qualidade.

Tamanho

Quanto maior, melhor (desde que caiba no espaço que lhe atribuiu e a possa pagar). Em termos de medidas mínimas convém que, em adulto, o coelho consiga pôr-se em duas patas e consiga esticar-se na gaiola já contando com o espaço que será tomado pelos acessórios que a gaiola irá conter.
Para uma gaiola confortável costuma-se considerar uma boa medida os saltos que o coelho pode dar ao percorrê-la. Considera-se uma gaiola confortável aquela onde o coelho adulto possa dar 4 saltos.


Segurança

Deverá assegurar-se que a gaiola é segura para o seu coelho. Não deverá ter zonas no gradeamento que o possam ferir nem zonas que possam propiciar acidentes. Lembre-se que as aberturas no topo propiciam quedas e pernas partidas (por ficarem presas no gradeamento) e que as gaiolas que têm fundo com gradeamento afectam as patas do seu coelho.

Localização das aberturas

Existem quatro tipo de aberturas de gaiolas: as aberturas no topo, as aberturas frontais, as aberturas laterais e os gradeamentos que se deslocam parcialmente.
Aberturas no topo: são muito úteis para o dono. Este tipo de aberturas é ideal quando se quer reabastecer o feno ou dar a dose de ração pois permite o fácil acesso aos acessórios.
Aberturas frontais: são as melhores para facilitar o acesso do coelho à gaiola, já que as gaiolas que têm apenas abertura no topo podem propiciar acidentes.
Aberturas laterais: este tipo de aberturas é útil quando se quer acrescentar acessórios à gaiola sem retirar espaço interior (por exemplo anexar um abrigo).
Gradeamentos que se deslocam parcialmente: muito úteis, pois dão uma grande liberdade de movimento. Contudo não costumam ter outras aberturas, o que pode dificultar algumas acções (por exemplo se não se quiser que o coelho saia enquanto se volta a encher o suporte do feno é mais fácil fazê-lo através de uma abertura no topo do que com metade da gaiola aberta).


Acessórios

Muitas gaiolas já trazem acessórios como ninhos, rampas, prateleiras, suportes para feno... Que por vezes não compensam. Lembre-se se investigar a qualidade e comparar gaiolas que sejam iguais mas sem acessórios. Por vezes é preferível ser você próprio a comprar acessórios de qualidade para melhorar a gaiola.
Contudo, se os acessórios forem de qualidade (além de que têm a vantagem de serem feitos à medida) e o preço não tiver sido exagerado, pode apostar em comprar logo a gaiola com acessórios incluídos.


Relação preço/qualidade

E como sempre, não se deixe enganar nem se venda pelo mais barato. Para o primeiro conselho, investigue lojas na sua zona e lojas online (muitas vezes há diferenças de mais de €30 no mesmo modelo de gaiola) antes de fazer a sua compra. Peça conselhos a quem já tem coelhos sobre onde comprar os produtos mais baratos e lembre-se que lojas bem localizadas (por exemplo em centros comerciais ou ruas muito movimentadas) normalmente aproveitam-se da sua localização privilegiada para inflacionar os preços. Quanto ao não se deixar vender pelo mais barato, é como em tudo: normalmente o barato sai caro e muito provavelmente vai ter de comprar uma seguda gaiola se não apostar desde logo na qualidade.

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Faça você mesmo - brinquedos

Considerações

Quando não consegue encontrar brinquedos para o seu coelho, o melhor a fazer é puxar pela imaginação e... ver aquilo que se vende em lojas, mesmo que não possa comprar. Porquê? Porque as lojas normalmente investem nos produtos com mais saída e esses normalmente são os que resultam.

Uma coisa a considerar são os materiais. Todos eles devem poder ser ingeridos pelos coelhos (lembre-se que apesar de muitos brinquedos para coelhos serem coloridos, não são pintados com tinta normal, pelo que não deve tentar fazer o mesmo em casa). Aposte sempre na qualidade dos materiais que usa e tenha sempre em conta a segurança do seu coelho.

Materiais
  • Feno
  • Verga
  • Corda (sisal)
  • Madeira (placas ou ramos não tratados): salgueiro, macieira, pereira, arbusto de framboesa, aveleira, bétula (vidoeiro), plátano, abeto e amoreira
  • Nylon
  • Arame
  • Pregos limpos
  • Martelo
Brinquedos simples



Para fazer uma réplica deste brinquedo precisa apenas de madeira, palha/feno e um modo de perfurar a madeira. Pode fazê-lo utilizando um prego limpo ou um berbequim se o tiver.



Este é ainda mais fácil de fazer. Bastam alguns ramos e dois pedaços de corda de sisal para atar os extremos (se se está a perguntar, sim, as pessoas pagam por brinquedos destes tão fáceis de reproduzir em casa e que garantem horas de entretenimento ao seu coelho).



Para fazer um brinquedos que possa pendurar na gaiola, basta usar um pouco de corda de sisal e alguma originalidade. Não convém utilizar alimentos húmidos para que não apodreçam nem sujem a corda (para esse tipo de alimentos poderá usar um suporte metálico, que será mais fácil de limpar).

Brinquedos um pouco mais complexos



Túneis em nylon são uma boa opção. O nylon é facilmente lavável no caso de haver algum descuido e consegue dar-lhe suporte através de arame. Contudo terá de ter em conta que o arame deverá estar escondido. Uma boa técnica consiste em cortar um rectângulo de nylon e formar com ele um túnel. Seguidamente deverá dobrar esse túnel de forma a obter um com duas camadas e introduza os aros de arame entre eles, espaçando-os cerca de 15-20 cm. Cosa o local onde se encontram os arames para que não se desloquem.



Bolinhas de sisal já exigem alguma técnica. O ideal é fazê-las utilizando o sisal entrançado para que seja mais fácil de trabalhar. Depois é só colocar uma corda utilizando uma agulha. Se tiver dificuldades pode usar um pedaço de madeira como base e ir enrolando o sisal à sua volta.



Neste caso a técnica é semelhante: um núcleo de madeira coberto com sisal. Mais uma vez aconselha-se usar a corda entrançada para ajudar no manuseamento. (Se quiser pode fazer um buraco no centro da madeira e colocar lá alguma palha ou feno)



Mesmo que não consiga fazer um brinquedo com sistema de encaixe entre as peças de madeira, poderá optar por pegar num pouco de madeira e fazer-lhe alguns buraquinhos, onde poderá colocar algumas das guloseimas preferidas do seu coelho e vê-lo entretido durante horas. Pode fazer um simples utilizando apenas duas peças (por exemplo como se fossem a peça azul e a vermelha, encaixando ao meio).

domingo, 11 de outubro de 2009

O Blogue agora tem ***!

Depois de quase um ano de existência do blogue O Coelho Anão, tornou-se óbvio que era necessário um local onde se pudesse continuar o trabalho que tem sido feito, mas de modo mais pessoal.

Para isso, criou-se um *** com o objectivo de proporcionar uma plataforma para que todos os amantes de coelhos comuniquem entre si, possibilitando o esclarecimento de dúvidas, desabafar, trocar histórias, pedir ou dar um conselho, partilhar alegrias e tristezas, divertir-se, aprender e conviver.

Aceda já ao link *** e registe-se como utilizador. Esperamos por si :)

quinta-feira, 1 de outubro de 2009

Ideias para "Faça você mesmo"

Gostaria de ver aqui um post sobre como fazer você mesmo artigos para o seu coelho?

Diga-nos o que gostava de aprender a fazer. Alguns exemplos:
  • gaiolas
  • ninhos
  • brinquedos
Diga-nos o que quer aprender a fazer e daqui a uns dias poderá ter aqui as instruções.
LinkWithin