Mensagem das autoras

Bem vindos ao blogue.
Esperamos que encontrem por cá ajuda para os vossos problemas ou para resolver as vossas curiosidades.
Caso não encontrem respostas às vossas dúvidas, não hesitem em escrevê-la num comentário, na Cbox ou num e-mail.
Apesar de termos alguns conhecimentos de saúde, não somos veterinárias e não sabemos diagnosticar os vossos coelhos, assim como não compactuamos com negligência. Casos de doença são para os veterinários.
Não pretendemos afirmar-nos como autoridades, mas sim facultar um local onde se possa aprender um pouco mais.

terça-feira, 2 de junho de 2009

Coelhos e o calor - o que fazer

Estamos a chegar ao verão, e é extremamente importante que mantenha o seu coelho num ambiente fresco. Os coelhos são animais altamente sensíveis ao calor e é impressionante a quantidade de coelhos que morrem durante o verão por serem mantidos a temperaturas superiores às que podem suportar. A partir dos 27ºC deve começar a controlar a temperatura e acima dos 30ºC está a precisar de mudar radicalmente de modo de acção ou precisa de intervir imediatamente.

Existem quatro coisas básicas que deve ter em mente nesta época:
  • circulação de ar
  • temperatura
  • água
  • sombra
Quanto à última será relativamente fácil. Lembre-se apenas que o sol muda de posição e portanto uma gaiola bem colocada de manhã pode estar completamente exposta à tarde. Saiba bem os locais que mantêm a sombra ou mude a gaiola de lugar conforme a altura do dia (a primeira será sempre a mais segura pois podem acontecer imprevistos que impeçam a mudança da gaiola).
A água deve ser fresca e mudada regularmente, podendo mesmo adicionar uma pedra de gelo. Quanto à ventilação, deve fazer o ar circular na divisão.


Quanto à temperatura existem vários métodos que pode utilizar para tentar refrescar a zona em que o seu coelho se encontra. O ar condicionado é uma das hipóteses, bastante viável desde que a mudança de temperatura seja gradual (nada de pôr o ar condicionado a 24ºC quando a sala está a 33). Existem também métodos mais económicos de tratar disso: objectos refrescantes perto do seu coelho.

Uma das hipóteses é utilizar garrafas de água congeladas, colocando-as ao lado da gaiola ou por cima (não deve colocar mesmo dentro da gaiola pois pode ser uma mudança demasiado brusca). Também poderá optar por acumuladores de frio ou bolsas de gel também congelados, que proporcionarão horas de frescura ao coelho. Tem, também, a hipótese de optar por colocar um azulejo no fundo da gaiola, proporcionando um local fresco onde o seu coelho se pode deitar (pode mesmo colocar o azulejo no frigorífico).

Um método bastante eficaz implica uma ventoinha e um pano molhado. Basta embeber um pano ou toalha em água fresca e colocar por cima da gaiola ou ao lado. Aponte uma ventoinha ao pano e terá um ar condicionado caseiro. Assegure-se que este sistema abrange apenas metade da gaiola, permitindo ao seu coelho deslocar-se para a outra caso não esteja confortável.

Como vê, não é difícil manter o seu coelho a uma temperatura indicada. A nível pessoal posso dizer que comprei hoje dois acumuladores de frio e já estão no congelador prontos a usar amanhã durante o dia, e que nestes últimos dois dias tenho usado sacos de fazer gelo por baixo do piso da gaiola, permitindo à minha coelha ter um local fresco onde se deitar.

8 comentários:

  1. Muito interessante esse artigo!! E útil. No meu caso, o Tuig vive solto pelo apartamento e tem uma janela lateral que deixo aberta e ventila o ambiente, mas como é poente, também deixo uma garrafa pet com água congelada no seu local preferido de deitar, uma vez que passa o dia todo sozinho e por isso não posso deixar um ventilador ligado pra ele.

    ResponderExcluir
  2. Interessante e mto válido, mas no meu caso seria o contrário! Aqui no Brasil está chegando o inverno, tenho um lionhead com pelos compridos, mas como moro no sul a temperatura tem chegado em torno dos -3ºC a 10ºC por enquanto. Ele fica dentro de casa porém num banheiro que é frio, coloquei algumas mantas e uma blusa de lã (que ele odeia, mas agora está aceitando) para ele deitar num canto da gaiola (ele fica solto), vc acha suficiente? Tenho notado suas orelhas mais frias, mas o local que dorme quentinho. Desde já agradeço.

    ResponderExcluir
  3. É verdade, aí no Brasil vão andando ao contrário, prometo que assim que possa (espero que antes do fim de semana) faço um sobre os coelhos e o frio.

    Se as orelhas estão frias não é muito bom, não consegue ter um ventilador com ar quente perto dele?

    ResponderExcluir
  4. É isso que comecei a fazer, aqueço o lugar q ele fica, deixo ele comigo quando posso para esquentar e de dia ele fica no meu quarto onde bate sol, ele se estica todo feliz... Esse problema é mais a noite mesmo quando a temperatura cai mais... bom, vou tentando onde posso. Obrigada :D

    ResponderExcluir
  5. Eu tenho um coelho de 3 meses e tenho que viajar para santa catarina. Eu não sei se levo ele ou deixo ele com minha amiga que tbm tem um coelho. O que fazer?

    ResponderExcluir
  6. eu adoro coelhos so acho muito puladores

    ResponderExcluir
  7. Que matéria fantástica!!! Descobri-a em ótima hora, pois aqui no Nordeste do Brasil, onde moro com o Soren ( o Dutch de olhinhos azuis!) está muito quente e mal chegou o verão ainda!! Essas dicas são extremamente valiosas, pois nem sempre posos estar com ele no período mais quente do dia, porque trabalho a tarde! Sempre que estou em casa, levo-o pra passear na área mais fria da casa, sob minha supervisão, devido às plantas que tem no local, pra ele não comer! A gaiola dele é bem espaçosa, só precisava mesmo dessas dicas para mantê-la mais fria!! Parabéns ao blogue!

    ResponderExcluir
  8. Rafaela, é preferível deixar o coelho com alguém de confiança ou num serviço de pet-sitting do que sujeitá-lo a uma viagem longa e demorada.

    ResponderExcluir

Escreva aqui as suas dúvidas, comentários, opiniões e temas que quer ver tratados. A sua opinião conta.

LinkWithin